DEFENDA SEUS DIREITOS

Loading...

terça-feira, 7 de junho de 2011

Presidenta Dilma Rousseff convoca a 3ª Conferência Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa

PARABENIZAMOS  A PRESIDENTA DILMA ROUSSEFFE E À SECRETARIA DE DIREITOS HUMANOS DA PRESIDENCIA DA REPUBLICA PELA INICIATIVA E COMPROMISSO !
É IMPRESCINDIVEL PRESTIGIAR E PROTEGER AQUELES QUE NOS LEGARAM TUDO !
Principamente no momento atual em que tantos IDOSOS e APOSENTADOS estão sendo VITIMAS DE EXTORSÂO E PERDENDO SUAS MORADIAS - CASAS PROPRIAS - DEVIDO A COBRANÇAS ILEGAIS ( BI-TRIBUTAÇÂO ) IMPOSTAS POR CONDOMINIOS ILEGAIS E POR ASSOCIAÇÔES DE MORADORES ( FALSOS CONDOMINIOS )
leiam : A CRISE ÉTICA, TRIBUTARIA E JURIDICO-CONSTITUCIONAL QUE ASSOLA O BRASIL : "Falo em meu nome e de milhares de brasileiros da 3ª Idade e Aposentados, que já perderam ou que estão ante a iminência de perder suas propriedades por causa dos ABUSOS dos FALSOS CONDOMÍNIOS " saiba mais ...

_______________________________________________________________________________
 
Presidenta Dilma Rousseff convoca a 3ª Conferência Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa


Fonte : Secretaria de Direitos Humanos da Presidencia da Republica
Data: 03/06/2011

A presidenta da República, Dilma Rousseff, convocou nesta quinta-feira (2.junho) a 3ª Conferência Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa, que será coordenada pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR) e realizada entre os dias 23 e 25 de novembro de 2011, em Brasília (DF).

O tema deste ano será “O compromisso de todos por um envelhecimento digno no Brasil”.

A conferência é um momento de fortalecimento da participação do próprio idoso na defesa de seus interesses e representa um passo decisivo na atualização da Política Nacional do Idoso.


O Brasil já teve duas Conferências Nacionais dos Direitos da Pessoa Idosa: a primeira, em 2006, teve como tema "Construindo a Rede Nacional de Proteção e Defesa da Pessoa Idosa", e a segunda, em 2009, “Avaliação da Rede Nacional de Proteção e Defesa dos Direitos da Pessoa idosa: Avanços e Desafios”.

Nenhum comentário: