DEFENDA SEUS DIREITOS

Loading...

domingo, 10 de abril de 2011

INIMIGOS PÚBLICOS N° 1 ? DE BULLYING A AMEÇAS E ATENTADOS CONTRA A VIDA - FALSOS CONDOMINIOS USAM DE TUDO PARA INTIMIDAR CIDADÂOS

AS AMEAÇAS, ACHAQUES, ATENTADOS, CONSTRANGIMENTOS ILEGAIS COMETIDOS CONTRA OS CIDADÃOS QUE NÂO SE CALAM E AGEM - DENTRO DA LEI - PARA DEFENDER O MEIO AMBIENTE E O ESTADO DEMOCRATICO DE DIREITO ULTRAPASSA, EM MUITO O "BULLYING" E EXIGE QUE AS AUTORIDADES E O MINISTERIO PUBLICO TOMEM PROVIDENCIAS URGENTES EM DEFESA DA ORDEM PUBLICA 

PERSEGUIR OS CIDADÃOS CUMPRIDORES DE SEUS DEVERES CONSTITUCIONAIS É REVIVER OS TEMPOS NEGROS DA IDADE MEDIA E IMPLANTAR O TERROR ENTRE VIZINHOS !

CONFIRAM - MAIS UM CASO EM MINAS GERAIS 

SEXTA-FEIRA, 25 DE MARÇO DE 2011


INIMIGOS PÚBLICOS N° 1

Quem são os INIMIGOS PÚBLICOS N° 1 da Associação/“Condomínio” Jardins de Petrópolis e de alguns proprietários de chácaras do bairro Jardins de Petrópolis? São os invasores de áreas verdes PÚBLICAS de preservação ambiental? São os que degradam a biodiversidade da região? Absolutamente, NÃO! Pelo contrário, esses são defendidos, apoiados e protegidos. Quem são então, os INIMIGOS PÚBLICOS N° 1?

São os cidadãos que no exercício de sua cidadania, e no seu direito e dever, atuam pela preservação ambiental, pelo cumprimento das leis e pela transparência no trato das questões ambientais, doa a quem doer. No Jardins, quem é “amigo” e “sócio”, e paga as taxas impostas pela Associação, fica isento do cumprimento de normas, leis e punições; há até os que ganham lei para saírem impunes, beneficiados e não terem que pagar pelos prejuízos causados ao meio ambiente e à coletividade. Já os cidadãos que lutam pela preservação ambiental viram INIMIGOS PÚBLICOS N° 1. Sofrem campanhasdifamatórias, tentativas de censura e intimidação; ganham apelidos pejorativos e são dedurados aos que cometem ilegalidades; tem seus nomes citados em artigos pagos em jornais do município (imagem 1) e são ridicularizados em caricaturas expostas em quadro de avisos de acesso público (imagem 2).

O baixo nível, os ataques e a covardia chegaram a tal ponto, que um site, de autor anônimo, foi criado na Internet para difamar e ofender esses cidadãos (imagem 3 abaixo). Foi criada também, no YouTube (maior e mais famoso portal de postagem de vídeos), uma página, onde o seu criador tenta se passar pelo representante do Movimento PreserveJP, e de forma difamatória e ofensiva(imagem 4). Nessa página do YouTube, “hackers”* são incitados a tentar destruir o blog do PreserveJP, criado para divulgar as questões ambientais da região (Clique nas imagens para ampliá-las).

A revolta de alguns proprietários, geralmente associados da Associação, inclusive podendo ter entre eles, diretor(es) dessa instituição, pode desencadear atos ilícitos graves contra esses cidadãos que atuam pela preservação dos recursos naturais. Pessoas que difamam, ofendem e fazem ataques pessoais anonimamente são covardes, sem caráter e escrúpulo, e podem ser capazes de qualquer coisa. E como todo cuidado é pouco quando se lida com COVARDES, providências estão sendo tomadas junto à Polícia Civil. 

Abaixo, alguns dos ataques, ofensas e tentativas de intimidação feitos por alguns proprietários de chácaras e membros da Associação Jardins de Petrópolis:

“É isso aí LL!! Cuidado,“sheriff!!!” Estamos de olho em você!! É um sheriff que não foi eleito por ninguém, não tem mandato definido e anda pelo bairro como se fosse o Rambo...” (frase  publicada pelo proprietário de chácara criador do site difamatório)

O objetivo deste blog é simplesmente trazer à tona os desmandos, loucuras, arbitrariedades e alucinações do "Sheriff" do bairro Jardins de Petrópolis no município de Nova Lima, Minas Gerais"(outra frase publicada por proprietário de chácara no site difamatório)

“É isso mesmo! Vagabundo filhinho de papai tem que ser desmoralizado no youtube!” (Comentário postado em site difamatório por “João Batista”, nome falso de um covarde que não tem coragem de se identificar)

“Eu ficaria chateada, mas outras pessoas podem ficar possessas e colocar em risco a sua integridade física. Algumas causas não merecem ser abraçadas. Que Deus lhe dê sabedoria para discernir qual causa abraçar”(E.V.R.- proprietária de chácara, por e-mail, em 18/03/2006. Ex-síndica do condomínio (2008/09). Principal responsável pelo desmatamento ilegal, criminoso de quase 5.000 m² de Mata Atlântica ocorrido em 2009 – clique aqui e assista o vídeo)

“Cuidado, muito cuidado! Você ainda vai levar na cabeça!” (Gerente da Associação JP  - essa declaração foi feita perante três testemunhas em maio de 2008)

Eu, Luís Eduardo Lemos, morador do Jardins de Petrópolis e representante do Movimento para preservação do patrimônio público e ambiental da região – PreserveJP, me orgulho de não pertencer, E SENTIRIA VERGONHA, se pertencesse à Associação (pseudocondomínio) Jardins de Petrópolis, instituição essa que:

·   tem como diretor (2010), proprietário de chácara que corta, que decepa cabeça de onça morta  
     encontrada na região do Jardins (essa questão gerou abertura de inquérito na Policia Civil a pedido 
     do Ministério Público);
·   tem como diretor (2010), proprietário de chácara que mantém vários cães soltos em área de
     preservação ambiental, cães esses que estão caçando e matando a fauna silvestre e ameaçando e
     incomodando moradores e caminhantes;
·   ajuda, defende, protege e faz lobby pesado para que invasores de áreas verdes PÚBLICAS de
     preservação ambiental sejam beneficiados e privilegiados;
·   é totalmente refém de seus associados, já que são eles que pagam as taxas que a sustenta;
·   é omissa e conivente com os crimes ambientais cometidos por proprietários que são seus associados;
·   em nome da arrecadação, e para atender a corretores de imóveis, seus associados, desmata, ilegalmente,
     na marra, quase 5.000 (cinco mil) m² de Mata Atlântica;
·   em nome da arrecadação, desrespeita e desobedece a embargo feito por autoridades policiais;
·   mente para a comunidade;
·   no ano de 2005, não permitiu que uma área verde PÚBLICA de preservação ambiental com nascente
     e córrego fosse revitalizada e ganhasse um Centro de Educação Ambiental (o síndico nessa época era o
     atual diretor e membro do CODEMA), causando um prejuízo incalculável aos cidadãos, à comunidade;
·   tem como membro fundador, ex-síndico (2005) e atual diretor (2010), amigo pessoal, defensor e lobista
     de invasor de área verde pública de preservação ambiental;
·   já teve como síndico, proprietário que abriu, ilegalmente, com trator, em 1999, estrada em área verde PÚBLICA de preservação ambiental, para ter acesso exclusivo e facilitado à sua propriedade;
·   tem como associados, invasores de áreas verdes PÚBLICAS de preservação ambiental.

Gostaríamos de agradecer o apoio que sempre recebemos dos proprietários e cidadãos que verdadeiramente valorizam e querem o meio ambiente preservado e protegido, em especial os cidadãos nova-limenses, cujo município vem sofrendo com a especulação imobiliária, com a destruição dos seus recursos naturais e com a ECOPICARETAGEM, presente principalmente, e com força total, no Jardins de Petrópolis.

* Hackers: indivíduos que modificam e danificam programas e sites de computadores 
A título de informação:
O Jardins de Petrópolis tem como proprietários de chácaras/membros do “Condomínio” JP, o superintendente doIBAMA em MG e um membro do Conselho de Defesa do Meio Ambiente – CODEMA do município. Esse último, além de fundador e atual diretor do condomínio, é também fundador da ONG PRANA e um dos líderes do Movimento SOS Nova Lima

Luís Eduardo Lemos

Nenhum comentário: