DEFENDA SEUS DIREITOS

Loading...

quarta-feira, 30 de março de 2011

NÃO COMPRE GATO POR LEBRE - NÃO EXISTE 'CONDOMINIO DE LOTES" , NÃO SE PODE CRIAR "CONDOMINIO" SOBRE RUAS PUBLICAS - CONFIRAM STF

ALEM DA ADI 1706/DF , EXISTEM VARIOS OUTROS ACORDÃOS DO STF IMPEDINDO A CRIAÇÃO DE CONDOMINIO SOBRE RUAS PUBLICAS - CLIQUE AQUI

E TAMBEM MANTENDO A CONDENAÇÃO POR CRIME CONTRA A ECONOMIA POPULAR DAQUELES QUE ANUNCIAM , VENDEM , DIVULGAM , INFORMAÇÕES FALSAS SOBRE A CONSTITUIÇÃO DE CONDOMINIO - ART. 65 E 66 DA LEI 4591/64 - EM VIGOR

CONFIRA - NÃO SE DEIXEM ENGANAR POR FALSAS DENOMINAÇÕES -

VEJAM NO SITE DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL QUE SEMPRE FOI NEGADA A PERMISSAO PARA CRIAÇÃO DE CONDOMINIOS SOBRE RUAS PUBLICAS ORIUNDAS DOS LOTEAMENTOS URBANOS
VEjA ADI 1706/08 E TAMBEM :
RE 100.467/RJ – LOTEAMENTO. RUA DE ACESSO COMUM. CONDOMINIO INEXISTENTE. COM O LOTEAMENTO SINGULARIZA-SE A PROPRIEDADE DOS LOTES, CAINDO NO DOMÍNIO PÚBLICO E NO LIVRE USO COMUM A RUA DE ACESSO. NÃO E JURIDICAMENTE POSSIVEL, EM TAIS CIRCUNSTANCIAS, PRETENDER-SE CONSTITUIR CONDOMINIO SOBRE A RUA, A BASE DA LEI 4.591/64. NULIDADE DA CONVENÇÃO CONDOMINIAL E DOS ATOS DELA DECORRENTES. RECURSO EXTRAORDINÁRIO PROVIDO. Rel. Min. DÉCIO MIRANDA Julgamento: 24/04/1984, 2ª.TURMA -
HC 84.187/RJ – CRIME CONTRA A ECONOMIA POPULAR
A Turma deferiu habeas corpus, impetrado contra acórdão do STJ que denegara igual medida, para afastar da pena imposta ao paciente, condenado pela prática de crime contra a economia popular (Lei 4.591/64, art. 65), a agravante prevista no art. 61, II, g, do CP (”II - ter o agente cometido o crime:… g) com abuso de poder ou violação de dever inerente a cargo, ofício, ministério ou profissão;” rel. Min. Sepúlveda Pertence, 24.8.2004.
RE 95256/SP - DESAPROPRIAÇÃO INDIRETA. LOTEAMENTO.
AREAS DESTINADAS A VIAS E LOGRADOUROS PUBLICOS. TRANSFERENCIA PARA O DOMÍNIO PÚBLICO, INDEPENDENTEMENTE DE TÍTULO AQUISITIVO E TRANSCRIÇÃO . JURISPRUDÊNCIA DO S.T.F. - IN CASU, RECONHECIMENTO, PELO ACÓRDÃO RECORRIDO, COM BASE NAS CIRCUNSTANCIAS ESPECIAIS DA CAUSA E NA PROVA, DA INEXISTÊNCIA DO DOMÍNIO PARTICULAR SOBRE A ÁREA LITIGIOSA. -DIREITO DOS RECORRENTES JA RECUSADO EM OUTRA EXPROPRIATORIA ABRANGENDO A MESMA ÁREA. -ALEGAÇÕES DE AFRONTA AO TEXTO CONSTITUCIONAL (ART. 153, PARAGRAFO 22) E A LEI FEDERAL (LICC, ART. 6.) NÃO PREQUESTIONADAS (SUMULAS 282). -DIVERGENCIA JURISPRUDENCIAL NÃO DEMONSTRADA (SÚMULA 291). RECURSO EXTRAORDINÁRIO NÃO CONHECIDO. Relator Min. OSCAR CORREA. 29.04.1983.
No mesmo sentido: RE 49.159/SP, RE 59.065/SP, RMS 18.827/GO, RE 51.634/RJ, dentre MUITOS outros

Nenhum comentário: